Ornela, amadinha!

                    by Grace Spiller

 

 

Anjinha, pequena menina,

Te vislumbrei qual uma gazela,

Saltitando nos prados,

Prenhe de Luz Amarela...

 

Risonha,

Em deusa te transformaste...

E graciosa,

Levitando, me acenaste...

 

E, do chão,

Embevecida te contemplei,

Agradecendo ao Reiki

O amor que te ofertei...

 

Anjinha, pequena menina,

Saltitante qual uma gazela...

Deusa formosa,

Reverberando em Luz Amarela!

 

18/12/2016 – 21 hs (+ ou -)

(aplicando Reiki em ti, com muito amor...)

 

RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!